FANDOM


Kishara é o nome do corpo celeste no qual o continente de Alidan e outras massas de terra se encontram. Ele é nomeado de acordo com a serpente primordial de mesmo nome, a qual é literalmente este corpo celeste.

Mito de Criação Editar

Quando Kishara, a Criadora, gerou o Plano Material Primário junto com Ansur, ela passou a moldar o Caos Elemental em formas mais estáveis. Para impedir que o caos dos planos interiores se impusesse sobre o Plano Material, Kishara enrolou o seu corpo serpentino em torno da passagem entre as dimensões, selando os planos elementais. Foi ao se enroscar em si mesma que a serpente tomou a forma do corpo celeste que é o mundo.

Muito do que existe no mundo é parte do corpo de Kishara, de uma forma mais literal do que simbólica. O cérebro da serpente são as nuvens no céu. Sua saliva não é peçonhenta e formou rios e mares. Sua respiração suave são os ventos soprados. Seu corpo são as rochas e a terra onde pisamos. Seus ossos, no interior da terra, são os metais e cristais. A medula de seus ossos são os diamantes mais puros. Seu sangue é a lava subterrânea. Kishara é mais que uma entidade primordial. Ela é o mundo em que vivemos.

Antes de Kishara se enrolar sobre si mesma para formar o mundo e lacrar os planos interiores, ela botou um ovo. A lua. Se algum dia o Ovo de Kishara chocará dando origem a uma nova entidade, não se sabe. Por enquanto, a lua está lá no céu, sempre orbitando ao redor de sua mãe.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.